Notcias

Notcias

HSVP forma 70 médicos residentes nesta sexta-feira

22/02/2019

 O Hospital São Vicente de Paulo (HSVP) de Passo Fundo, além de ser referência no cuidado da saúde das pessoas, desempenha um importante papel na formação de profissionais da área da saúde, servindo como cenário de prática. Em sua história centenária, há 40 anos o Hospital São Vicente iniciou a trajetória da Residência Médica e hoje, a instituição tem 28 programas credenciados e mais de 1000 residentes formados. Desde 2014, a Universidade Federal da Fronteira Sul (UFFS) criou a Comissão de Residência Médica e assumiu o funcionamento dos programas desenvolvidos no HSVP, bem como das bolsas, subsidiadas pelo Ministério da Educação.

Com um cenário de prática composto por equipamentos e estruturas de ponta, a Residência Médica possui ainda como supervisores e preceptores, grande número de especialistas, mestres e doutores, sendo que, alguns são egressos do programa de residência da instituição.

O Gastroenterologista Dr. Kalil Fontana é um exemplo de profissional que se especializou no HSVP e que agora orienta outros profissionais. Preceptor da Residência Médica de Gastroenterologia, o médico ingressou na Residência de Medicina Interna em 2012 concluindo-a em 2014. Na sequência Dr. Kalil iniciou a residência em Gastroenterologia e a concluiu em 2016. “O Hospital São Vicente é sem dúvida uma grande escola. Aprendi que o conhecimento técnico é fundamental para obtermos bons resultados para os nossos pacientes, mas aprendi mais do que isso. Aprendi que o trabalho em equipe é essencial, que o amor a profissão é capaz de abrandar a enxurrada de angústias que nos é depositada diariamente e que, esse amor também é capaz de nos fazer suportar essa rotina a trabalho. No hospital, aprendi que o conhecimento vem com muito trabalho, muito mais do que imaginei que um dia dedicaria na minha vida”, relata o agora preceptor, evidenciando a gratificação por chegar ao final do dia com a sensação de sair do hospital melhor do que chegou. “É exatamente isso que vim buscar aqui: conhecimento! E, ganhei muito mais que isso, ganhei amigos de todas as áreas, parceiros de trabalho e a realização profissional, tendo certeza de que tudo valeu a pena e que faria de novo se fosse preciso”, enaltece Kalil.

Nesta sexta-feira, 22 de fevereiro, Kalil verá seus orientados concluírem a especialização. Junto com eles, outros 70 médicos irão receber o título de especialistas nas seguintes especialidades: Cardiologia; Cirurgia da mão; Cirurgia geral; Cirurgia vascular; Clínica médica; Dermatologia; Ecocardiografia; Gastroenterologia; Medicina de família e comunidade; Medicina intensiva; Medicina intensiva pediátrica; Neonatologia; Neurocirurgia; Neurologia; Obstetrícia e ginecologia; Oftalmologia; Oncologia clínica; Ortopedia e traumatologia; Otorrinolaringologia; Pediatria e Radiologia e diagnóstico por imagem.

A formatura organizada pelo HSVP, UFFS e Comissão de Residência Médica da UFFS acontece no Auditório do Colégio Notre Dame, a partir das 19h. Estes 70 profissionais vão atuar em diferentes cidades do estado e do país, levando o conhecimento, ensinamentos e técnicas aprendidos no HSVP.

Foto: Formatura 2018 (HSVP/Divulgação)

Galeria de fotos